4 Provas de 7 possíveis e Luciano Horn vence a 2ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Parapente em Poços de Caldas – MG.

A cidade turistica no sul de Minas Gerais, Poços de Caldas – MG, foi sede da 2ª e ultima Etapa do Campeonato Brasileiro de Parapente com 120 pilotos brasileiros, estrangeiros e uma condição forte com vento, esse evento as condições meteorológicas adversas fez com que 4 provas fossem realizadas de 7 possíveis.

Brasileiro

No primeiro dia uma prova um Race to Goal de 81km com o Goal no Trevo de Alfenas, o primeiro pelotão com vários pilotos , sai para o planeio final para o End Speed Section com uma altura onde achegada ao Gaol no Trevo de Alfenas estivesse em duvida, o que ocorreu, somente alguns pilotos conseguiram cruzar a linha virtual do Goal.

Brasileiro1

Brasileiro2

69672591_2677131158963938_4459914557225172992_o
Marcella Uchoa no Feminino vence a prova 1.

Brasileiro3
O piloto suiço Joerg Ewald vence a prova do dia.

Segundo dia de prova com um Race to Goal de 79km com Goal no Pouso Oficial da cidade de Congonhal, prova onde a grande cobertura na rota não deixou com que os pilotos  chegassem no Goal… Pilotos ficando pelo percurso e o que atingiu a maior distancia foi o piloto carioca Mauricio Albuquerque.

Brasileiro5

Dia 3 amanheceu com instabilidade na região e organização fez um comunicado sobre a previsão.

Reporte Meteorológico: a frente fria está se deslocando para o mar, porém ainda influencia o tempo na região. Com as chuvas que caíram à noite, o solo está muito úmido, e a cobertura de nuvens causada pela frente fria deve impedir que o solo seque suficientemente a tempo de termos prova válida. Portanto, não haverá prova hoje. Para os próximos dias, os modelos mostram a frente se afastando totalmente para o mar, prometendo dias bons até o final do campeonato.

Brasileiro6

Mais um dia com influencia da instabilidade no 3º Dia.

A Frente Fria que se encontrava na região já está quase toda no oceano, porém ainda influencia a área de provas. Após um dia sem provas, a previsão ainda indica possibilidade de chuvas ao longo da tarde, com ventos moderados a fortes de Noroeste, com cirrus podendo impedir o aquecimento suficiente do solo, o que resultará em termais mais fracas na região nordeste da área de provas, que, contudo, é a melhor região para o voo hoje.

Base das nuvens entre 2300m e 2700m. Presença de cirrus e formação de cumulus, pequena probabilidade de super desenvolvimento.

Média de ventos:

Superfície: N 10km/h passando para SO 10km/h às 15h
1200m: NNO 17km/h passando para S 13km/h às 15h
1800m: NNO 21km/h passando para OSO 14km/h às 15h
2400m: NO 23km/h passando para NO 20 km/h às 15h
3000m: NO 30km/h passando para NO 33 km/h às 15h

Média das térmicas durante do dia de 1,5m/s iniciando as 11h, enfraquecendo após das 14h, encerrando por volta das 15:30h.

A previsão para amanhã ainda indica pequena possibilidade de chuvas, mas com melhor potencial térmico e ventos mais fracos.

Prova 4 e a comissão de pilotos define a prova e colocada no quadro, janela aberta mas uma formação atrás da rampa faz com que a organização esperasse a evolução… Prova CANCELADA.

Brasileiro8
Comissão de piloto define CANCELAR a prova do dia.

Race do Goal de 53km com Goal em Campestre na Prova 3 do Campeonato Brasileiro de Parapente em Poços de Caldas – MG… Dia 5 do evento, subida as 10:30h dos ônibus e caminhão da organização, o céu com uma nebulosidade… Chegada e precipitação passando na cara da rampa, pilotos já anunciando uma desistência para o dia… No decorrer das horas uma melhora e foi o start para ser chamado a comissão de Pilotos e Juiz Geral… Prova definida e em seguida Briefing e Janela Aberta…

69584100_2684270774916643_3259480526662139904_o Luciano Horn

70165268_2684270854916635_8162734819499835392_o Janela Aberta.

69747236_2684270674916653_5612984422887325696_o Bruno Menescal 1) Campeão Brasileiro homenageado pelos 30 anos de Campeonato Brasileiro de Parapente.

Chegada no Goal da Prova 4 no Pouso do Aleixo no 6º Dia de Prova do Campeonato Brasileiro de Parapente em Poços de Caldas – MG… Race to Goal de 53km.
Correria total com o piloto mineiro Moisés Sodré fechando o tempo no End Speed Section na 1ª posição e pousando no Goal.

69992499_2686444704699250_2603282753025736704_o Moisés Sodré.

69715618_2686444134699307_7765947826386763776_o Chegada no Goal .

69723710_2686443858032668_1461726844280635392_o Pouso na Fazenda do Aleixo.

Último Dia de Prova no Campeonato Brasileiro de Parapente em Poços de Caldas – MG. Race ro Goal de 40km e Goal na Fazenda do Aleixo.

69583131_2689848217692232_7682446249038970880_o Janela Aberta

69749519_2689850107692043_4028602190330331136_o Chegada no Goal.

69676170_2689851011025286_6459813237624930304_o Luciano Horn vence a Etapa de Poços de Caldas.

PREMIAÇÃO – Resultado GERAL.

69860518_2688172317859822_1581782196794949632_n

 

 

Equipe Brasileira de Asa Delta é Vice Campeão Mundial na Italia.

A Equipe Brasileira de Asa Delta com Alvaro Sandoli, David Brito, Eduardo Oliveira, Fabio Thomas, Glauco Pinto, Marcelo Rocha e Konrad Heilman estiveram representando o país no 22º Campeonato Mundial da modalidade na cidade de Tolmezzo na Italia de 13 a 17 desse mês, nas 10 Provas realizadas o destaque na equipe foi Eduardo de Oliveira que venceu umas das provas a 8ª, considerada como uma das regiões de condições fortes para o voo nos Alpes, os competidores estavam em alto nível, sem cometer erros, valorizando cada prova do evento. Novamente nesse evento o piloto paulista Alvaro Sandoli se destacou ficando entre os 10 primeiros colocados 7ª posição e o Brasil conquistou o 2º lugar por equipes… Parabéns aos pilotos brasileiros.

asa113 Brasil Vice Campeão Mundial por EQUIPES, Campeã Itália e 3º Alemanha.

asa14 Vice Campeão Christian Ciech Campeão Mundial Alessandro Ploner e 3º Primor Gricar

Desde do inicio a equipe se posicionou na segunda posição por EQUIPES – Nação e foi trabalhando até o final, cada integrante fez a sua parte somando pontos importantes para essa conquista em cada dia de prova, outro destaque Glauco Pinto segundo melhor brasileiro individual na competição 18º, Marcelo Rocha 23º, David Brito em 33º, Fabio Thomas 42º, Konrad Heilmann 84º e Eduardo Oliveira em 93º.

asa3 Rampa de Tolmezzo.

asa4 Briefing com a previsão meteorológica e recomendações diárias.

asa12 Distribuição de rastreadores aos competidores.

asa9 Decolagem… Janela aberta.

asa1 Marcelo Rocha em umas das provas nos Alpes.

asa7 Resgate.

Região dos Alpes Italianos com condições fortíssimas com térmicas generosas e a equipe de resgate não teve muito trabalho, pilotos concentrados e não cometendo erros. Prova do Dia.

67200510_861127404264333_4855471454524801024_n Prova do Dia.

asa8 Staff trabalhando.

asa5 David Brito nos Alpes italianos com neve em algumas regiões.

asa10

O piloto brasileiro Eduardo Oliveira sendo destaque não só na EQUIPE, somando pontos importantes, mas foi também comentado na mídia local.

 

O brasileiro Alvaro Sandoli vence o QUEST AIR NACIONAL CHAMPIONSHIP evento de Asa Delta FAI 2 no USA.

Após 6 dias de Provas em Groveland na Florida – USA… O piloto paulista de Asa Delta Alvaro Sandoli – WILLS WING | T3C vence o QUEST AIR National Championship evento FAI 2, apesar da competição tenha sido rebocado onde as condições muitas vezes não são iguais aos demais competidores deu para sentir a pressão de uma competição de alto nível, já que em Junho alguns que estavam presente estará no Campeonato Mundial da categoria na Italia. Os fihos também estiveram presente na competição onde Guilherme Sandoli – WILLS WING T2C ficou na 13ª posição e Bruno – WILLS WING T2C na 21ª posicão… Mais 2 pilotos brasileiros presentes Fabiano Nahoum – ICARO Laminar  e Giovani Tagliari – WILLS WING T2C. Presença também do piloto paulista Marcelo Menin WILLS WING T2C que ficou na 5ª posição que competi pelos USA.

57032105_10155906993316249_4367378533350113280_n QUEST AIR evento de Asa Delta com decolagem rebocado. Foto – Raul Larenas.

O piloto Alvaro Sandoli além de atleta é fundador da empresa ROTOR especializada em CINTOS de VOO LIVRE conhecida e utilizada por pilotos do mundo todo, agora seus 2 filhos Bruno e Guilherme fazem parte da linha de produção… Mais uma empresa MADE IN BRAZIL para o mundo. 

56887046_2268171566576803_2552917892043636736_n ROTOR – Made in Brazil. – Foto Guilherme Sandoli.

rotor Aguardando a decolagem. Foto – Raul Larenas.

59203940_10156433299076314_8465544599576772608_n O Campeão Alvaro Sandoli – BR, Pedro Garcia – USA na 2ª posição e em 3º Zac Majors – USA, todos de WILLS WING T3C. Foto – Corinna Schwiegershausen

RESULTADOS GERAL.  

Ibituruna OPEN 2019 em Governador Valadares – MG… Etapa válida para o Campeonato Brasileiro de Asa Delta.

Com presença de pilotos estrangeiros terminou nesse Domingo em Governador Valadares, o Ibituruna OPEN 2019, etapa válida para o Campeonato Brasileiro de Asa Delta que foi vencida pelo italiano Felippo Oprici.

“As condições nessa semana não estavam clássica como é conhecida a região de Governador Valadares – MG”

Com a prova de Domingo cancelada pelo teto baixo e condições meteorológicas desfavoráveis para realização da Prova 7, foram no total 6 provas válidas, levando o italiano Felippo Oprici ICARO – Laminar, como Campeão do evento seguido de Max Turiaco, Alvaro Sandoli, Jonny Duran, Wolfgang Siess, David Filho, Zac Majors, Marcelo Rocha, Michel Louzada e Tyler Borrdailer.

Esse foi ultimo grande evento para treinamento da Equipe Brasileira que irá participar do Campeonato Mundial de Asa Delta na Itália em Junho 2019.

Resultado GERAL.

as5 Decolagem no Pico do Ibituruna – Governador Valadares – MG.

as 1… Sequencia na decolagem.

as1 2…

as3 3…

as4 4… Fotos Zenilson Rocha.

asa1 Premiação.

asa2 Pódio.

 

CAB estará representada no IBAS 2019

Reunião aconteceu nessa segunda-feira em São Paulo

A presidente da CAB –Comissão do Aerodesporto Brasileira, Marina Posch Kalousdian, participou, nessa segunda-feira, 21 de janeiro, em São Paulo-SP, do lançamento oficial do projeto

“Universidade do Ar, 1º Anuário de Recursos Humanos para Aviação e do IBAS- International Brazil Air Show”.

IMG_2349

IMG_2353

IMG_2334

IMG_2344

Durante o encontro, o tema em destaque foi a ‘Conectividade e Inovação para o fortalecimento do Transporte Aéreo’ levando em conta o novo governo e as diretrizes para o setor. Também aconteceu a discussão sobre a inauguração do GATGRU: 1º Portal de Atração de Investimento Estrangeiro Direto – FDI, cujo foco foi a importância do GAT no Brasil.

O IBAS- International Brazil Air Show que será organizado pela Sator, acontecerá nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2019 no Aeroporto Internacional de Guarulhos-SP.  A CAB irá participar desse evento, em setembro, com a divulgação e realização do 2º Prêmio CAB do Aerodesporto, que terá palestras com atletas e recordistas, entre outros convidados de diversas áreas ligadas aos aerodesporto e show aéreo.

“Será uma oportunidade extremamente útil para reunirmos pessoas e movermos ações conjuntas ao redor do propósito único de acelerar o desenvolvimento planejado do setor”, disse Marina. “Na reunião, pela manhã de segunda-feira, também tive a chance de conversar com várias pessoas da Universidade Anhembi Morumbi, da Universidade do Ar, além de representantes da SAC, ANAC e DECEA sobre fomento e apoio ao aerodesporto pela aviação, espaço aéreo e certificação”.

1-IMG_3253

IMG_3254

IMG_3255

Interessante:

http://www.institutoaviacao.org/noticia/terminal-para-aviacao-executiva-e-inaugurado-no-aeroporto-de-cumbica

http://internationalbrazilairshow.com.br/2019/00/

http://www.institutoaviacao.org/o_instituto

CAB no IBAS 2019 no Aeroporto de Guarulhos.

A CAB irá participar do IBAS 2019 com o 2º Prêmio CAB e com uma rodada de palestras sobre campeonatos, recordes, espaço aéreo, regulamentos, equipamentos e outros temas. Save the Date: 11, 12 e 13 de Setembro de 2019 – Aeroporto de Guarulhos.

Obrigada ao IBAS e a Sator.

Marina Posch Kalousdian | Presidente da CAB.

ext

2ª e Ultima Etapa do Campeonato Brasileiro de Parapente em Igrejinha – RS.

Igrejinha no Rio Grande do Sul foi a sede da 2ª e Ultima Etapa do Campeonato Brasileiro de Parapente com mais de 115 pilotos de vários estados e estrangeiros, das 7 provas possíveis foram realizadas 4, com triangulação entre a cordilheira e o vale e com 3 restrições no espaço aéreo no quesito altitude… Algumas penalizações foram feitas aos pilotos mas no decorrer do campeonato se adequando e voando sem cometer erros. Primeiro dia com a Prova INTERROMPIDA devido a formação e evolução rápida de Cumulus Nimbus na rota da prova, onde a comissão de segurança acionou o Juiz Geral e todos os pilotos pousados com segurança… Nos dois dias seguintes vento forte e direção não favorável a decolagem fizeram com que a organização e comissão de pilotos definissem a prova e aguardaram até o Dead Line… Onde a comissão se reuniu e CANCELARAM as provas… Prova 4 posta no quadro e janela aberta com GOAL na cidade de Rolante com um Race to Goal de aproximadamente 69km… 20 pilotos no GOAL sendo o vencedor o capixaba Frank Brown e no Feminino a Sul Mineira Marcella Uchoa de Poços de Caldas recém chegada do nordeste onde bateu 3 Recordes Mundiais de Parapente… Na Prova 5 o vencedor foi o paulista Danilo Rodrigues, onde se destacou puxando a prova do dia… Já na PROVA 6 o carioca Rafael Saladini se destaca voltando ao jogo novamente, já que no primeiro dia ele caiu no inicio da prova… Destaque para Marcella Uchoa e a paulista Priscila Fevereiro… Para o ultimo dia pilotos com as suas marcações já pré determinados, ranking nacional e da liga em jogo… Definição do Campeão Brasileiro 2018 e pontos importantes para a LIGA visando o Mundial na Macedonia 2019… Goal em Sapiranga na Escola Cia do Ar e outro piloto entrando na briga pela vaga para equipe do Mundial o vencedor da prova o paulista Rafael Barros e Marcella Uchoa chegando e se consagrando Campeã Brasileira de Parapente da temporada 2018… Retorno para o QG e tensão entre protesto e falha no tracker log… Resolvidos os problemas com os devidos esclarecimento por parte da organização e Juiz Geral… Premiação… Rafael Saladini Bi Campeão Brasileiro de Parapente… Thomas Milko na Serial e Marcella Uchoa no Feminino.

qG QG do evento.

inscrição STAFF.

inscrição1 Download de GPS.

inscriçnao2 Entrega de KIT, numeral, camiseta, mapa e adesivos.

caminhão

“Subida para rampa dos equipamentos no caminhão da organização em Morro Alto em Igrejinha”

organização

“UTI e BOMBEIROS… Apenas 1 incidente com acionamento de paraquedas reserva… Bombeiros chegando ao local rapidamente e resgatando… Piloto sem escoriações e equipamento em perfeito estado”.

Briefing

“Briefing da PROVA 1 com detalhes do ESPAÇO AÉREO… Durante o percurso 3 altitudes diferenciados na região… Toda a ATENÇÃO é importante para não ser penalizado”.

espaço aereo

“Cores diferenciava as diferentes áreas e altitudes permitidas”.

prova2

Diariamente a Comissão de Pilotos + Juiz Geral e responsável pelo Resgate dos pilotos se reunia para definir a PROVA do DIA, meteorologia e mais conhecimento de pilotos locais eram utilizados”

CAB_o CAB trabalhando.

naviter

tracker

“Montagem da prova nos aparelhos eletrônicos e GPS… Rastreadores da CBVL entregues diariamente aos pilotos da competição”

rampa

balança

briefing de federações

“Após o BRIEFING cada piloto se posiciona aguardando a abertura da janela, Federações e Equipes montando suas estratégias… E a organização se achar conveniente pesa os pilotos para verificar se estão compatíveis com o peso total mais a tolerância da homologação do equipamento”.

47393009_2237604786249913_4060360509956816896_o Janela ABERTA.

IMG_1152

IMG_1155

IMG_1447 Chegada no GOAL

IMG_1270 Cruzando a linha virtual.

PRO etapa Pódio da PRO.

Etapa SERIAL Pódio da SERIAL.

Feminino Etapa Pódio da FEMININO.

Etapa de Igrejina Serial Pódio da SPORT.

Novo PRESIDENTE da FAI

Caros membros da CAB e Aerodesportistas,

A FAI tem um novo presidente:
Robert Henderson da Nova Zelândia foi eleito com um mandato de 4 anos na Conferência Geral da FAI em Luxor, Egito, no último final de semana.

A última pessoa de fora da Europa a atuar como presidente da FAI foi Clifton F von Cann, dos EUA, que foi presidente de 1988 a 1990.

Sobre Robert Henderson

O Sr. Henderson tem experiência como oficial militar sênior, piloto e instrutor e, posteriormente, Gerente de Treinamento da frota Airbus A320 na Air New Zealand. Ele foi nomeado membro da Ordem da Nova Zelândia por seus serviços na aviação esportiva e é piloto de planadores em seu tempo de lazer.

45108061_1325581267581915_6004447709547724800_n

“Ser eleito pela comunidade mundial de esportes aéreos como seu presidente é uma grande honra e uma experiência de humildade”, disse ele.

“Estamos enfrentando uma série de desafios como uma Federação Internacional de Esportes, e não menos importante é encontrar fontes adicionais de financiamento.

“Estou ansioso para enfrentar esses desafios nos próximos dois anos, especialmente.

“Haverá muito trabalho árduo para levar a organização adiante, mas temos uma excelente equipe no Conselho Executivo e uma equipe excelente trabalhando para nós em Lausanne e estou confiante de que, com a ajuda deles, podemos fazer a diferença. “

Planos de curto prazo do Sr. Henderson

Henderson definiu algumas metas-chave como parte de seu plano para os próximos três meses, incluindo a garantia de que os Jogos Mundiais Aéreos, na Turquia, planejados para 2020, sejam bem organizados e administrados com eficiência.

“Este é um tremendo empreendimento e envolve centenas de pessoas, a grande maioria das quais são voluntários”, disse ele.

“Devemos à THK, a organizadora turca e aos nossos membros e esportistas, focar de perto neste evento para garantir seu sucesso.”

O presidente Henderson mora na Nova Zelândia, o que significa que será relativamente fácil para ele trabalhar com os membros da FAI na Ásia, onde ele observa que vários países têm grande potencial de crescimento no campo de esportes aéreos.

Para negócios de rotina com a sede da FAI em Lausanne, na Suíça, ele pretende usar a videoconferência sempre que possível.

“O Zoom é uma ferramenta de conferência maravilhosa e estaremos aproveitando ao máximo essa capacidade para reduzir o tempo de viagem e os custos de viagem”, disse Henderson.

“Também quero acelerar o trabalho em nosso projeto estratégico, ONE FAI, para realizar com urgência o recurso de mão-de-obra, a tomada de decisões e a economia potencial de custos.”

3 Recordes Mundiais Feminino de Parapente no Sertão Nordestino Brasileiro.

Marcella Uchoa é dona de recorde mundial no Parapente.

Um orgulho mineiro e brasileiro! Marcela Uchoa, 30 anos, de Poços de Caldas, quebrou o recorde mundial feminino de distância com Parapente no sertão nordestino do Ceará, no último dia 25 de outubro. No total, foram três recordes mundiais em apenas um dia: 410.72 km distância livre feminino, 377 km Goal declarado feminino e 415.5 km distância livre passando por três pontos OLC.

ma2 Decolagem em Assu – Ceará.

ma No cross country no sertão nordestino brasileiro.

“Chorando e rindo ao mesmo de felicidade. Emoção única e indescritível. Quem me conhece de verdade sabe o tanto que sonhei com isso. Sonho de uma vida! Quando comecei a voar, em 2010, descobrindo o cross country, conheci a recordista Kamira no PWC que teve na minha cidade, Poços de Caldas. Vê-la contando sobre os voos me inspirou muito e pensei: nossa, um dia quero ser a mulher que fez o maior voo do mundo. Lembro-me também que falava isso e me achavam louca, a menina que mal sabia voar e queria ser recordista mundial”, disse Marcella, emocionada, ao escrever no facebook e instagram.

“Na época estava na faculdade, e desde que terminei o mestrado tenho me dedicado exclusivamente a realizar esse sonho. Muito treino, dedicação, determinação e paciência para lidar com as frustrações. Só tenho que agradecer a vocês por terem acreditado em mim, por me convidarem a fazer parte da equipe, por terem me dado a oportunidade de viver meu sonho. Muito obrigada a todos da equipe (Frank Brown, Marcelo Prieto, Samuel Nascimento, Rafael Saladini) pelos ensinamentos compartilhados e, principalmente, ao Samuka e Rafa pela super parceria em voo. Muito obrigada à Nani e Dió pelo melhor resgate do mundo! Nani, foi uma emoção sem tamanho ter você do meu lado nesse momento, porque sei que sua torcida é sincera e tenho a sensação de que estará presente em todos meus recordes. Muito obrigada a todos que torceram por mim e ficaram acompanhando meu voo, torcendo em cada termal. À minha família pelo apoio incondicional e por entenderem minha ausência. Obrigada a toda equipe do Martin que realizou reboques excelentes. Obrigada às meninas do hotel que cozinhavam ovos todo dia 4h da manhã para eu levar no voo. Enfim, cada pessoa teve sua participação fundamental para minha realização pessoal. Porque sozinhos não somos ninguém!! Obrigada de coração a todos!!!! Obrigada vida!”.

ma1 Sertão Nordestino.

ma4 Final do dia e do voo.

A presidente da CAB, Marina Posch Kalousdian, parabeniza a atleta por esse recorde histórico que carrega consigo as bandeiras de Minas Gerais e do Brasil. “Temos uma ideia do tamanho da felicidade da Marcella, e não é para menos. Foram três conquistas ímpares. Juntas, provam que empenho e determinação são fatores determinantes para o sucesso, afinal de contas não existe pódio sem treino, sacrifício e força de vontade. Parabéns a ela e a todos os amigos e amigas do Parapente, modalidade que sempre ajuda a divulgar e desenvolver o aerodesporto dentro e fora do país”.

ma5 Rafael Saladini, Samuel Nascimento e Marcella Uchoa 410km

ma6 Distância percorrida.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial