Mensagem de fim de ano da CAB 👇

Mensagem de fim de ano da CAB 👇

Se a decolagem não for perfeita, que mostre empenho.
Se o voo não estiver à altura, que seja corrigido.
Se o pouso não for tranquilo, que traga  aprendizado.

Que tenhamos a coragem própria dos desportistas e a ambição sadia dos competidores para conquistarmos a medalha honesta dos campeões e o troféu sonhado dos recordistas.

Feliz Natal !
E um 2020 de tirar o fôlego, mesmo no ar !

São os votos da CAB.
Marina Posch Kalousdian – presidente

78109419_1660368987436473_153766301712515072_o (1)

Nota de Pesar

Nota de pesar:

É com profunda tristeza que a CAB informa aos aerodesportistas o falecimento, nessa quinta-feira, dia 19 de dezembro, do Coronel Willie, ex-integrante do Esquadrão de Demonstração Aérea- EDA, a nossa tão querida Esquadrilha da Fumaça.

Aos familiares, amigos, ex e atuais componentes da Esquadrilha o nosso abraço fraterno e consolador nesse instante de imenso abatimento.

Marina Posch Kalousdian
presidente da CAB

CAB, enfim, terá um endereço onde merece e precisa !

CAB, enfim, terá um endereço onde merece e precisa !

Depois de vários anos desde sua fundação até hoje, com sedes em espaços burocráticos no Rio de Janeiro ou em São Paulo, finalmente a CAB terá condições de ter uma sede fixa dentro de um ambiente que combina com sua atividade fim e tem a cara de seus agentes: um aeroporto !

Acabamos de assinar nessa quinta-feira, 19 de dezembro de 2019, o termo de ‘permissão de uso de bem público’, a título precário e gratuito, com a prefeitura de Casa Branca(SP).

Isso equivale dizer que, dessa forma, caberá a CAB, daqui pra frente, fazer as adequações e melhorias de infraestrutura no lugar para que todos possam se valer de maneira geral, orgânica e harmônica para a realização de encontros nas mais diversas modalidades do aerodesporto.

Deixando mais claro, é o seguinte: quem for visitar a CAB, ou dela precisar para algum treinamento, apresentação, competição e tudo o mais que o valha, terá o que nunca tivemos: um aeroporto à disposição. Sejamos honestos: visitantes, dirigentes, pilotos e afins, terão condições de chegar até esse local com o próprio equipamento aéreo que usam para sua locomoção e/ou prática esportiva: avião, planador, asa-delta, balão, ultraleve motorizado, paraquedas, etc… Ora, isso é ou não fantástico ? Claro que sim !

Anexo, (confiram !) está o documento, curto, de apenas quatro páginas, para que todos vejam, com transparência, objetividade, clareza e concisão, as condições e as vantagens que estão contidas nessa conquista.

Agradeço a todos aqueles aerodesportistas que, juntamente conosco, participaram dessas tratativas e negociações e, de maneira muito especial, ao prefeito de Casa Branca (SP), Marco Cesar de Paiva Aga, que soube enxergar nessa proposta um meio de também atrair olhares e investimentos de empresas de fora para o município. Além disso, acredito que o comércio, indústria, serviços e rede hoteleira casabranquense, muito valor poderão agregar à economia local já que são inúmeras as possibilidades de benefícios que surgem com as promoções e eventos ligados ao aerodesporto.

Enfim, uma notícia maravilhosa para fecharmos 2019 !

Abraços a [email protected]
Boas Festas !

Marina Posch Kalousdian
Presidente da CAB

TERMO DE PERMISSAO DE USO DE BEM PUBLICO

prefeito e marina

todos

CAB estará representada no IBAS 2019

Reunião aconteceu nessa segunda-feira em São Paulo

A presidente da CAB –Comissão do Aerodesporto Brasileira, Marina Posch Kalousdian, participou, nessa segunda-feira, 21 de janeiro, em São Paulo-SP, do lançamento oficial do projeto

“Universidade do Ar, 1º Anuário de Recursos Humanos para Aviação e do IBAS- International Brazil Air Show”.

IMG_2349

IMG_2353

IMG_2334

IMG_2344

Durante o encontro, o tema em destaque foi a ‘Conectividade e Inovação para o fortalecimento do Transporte Aéreo’ levando em conta o novo governo e as diretrizes para o setor. Também aconteceu a discussão sobre a inauguração do GATGRU: 1º Portal de Atração de Investimento Estrangeiro Direto – FDI, cujo foco foi a importância do GAT no Brasil.

O IBAS- International Brazil Air Show que será organizado pela Sator, acontecerá nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2019 no Aeroporto Internacional de Guarulhos-SP.  A CAB irá participar desse evento, em setembro, com a divulgação e realização do 2º Prêmio CAB do Aerodesporto, que terá palestras com atletas e recordistas, entre outros convidados de diversas áreas ligadas aos aerodesporto e show aéreo.

“Será uma oportunidade extremamente útil para reunirmos pessoas e movermos ações conjuntas ao redor do propósito único de acelerar o desenvolvimento planejado do setor”, disse Marina. “Na reunião, pela manhã de segunda-feira, também tive a chance de conversar com várias pessoas da Universidade Anhembi Morumbi, da Universidade do Ar, além de representantes da SAC, ANAC e DECEA sobre fomento e apoio ao aerodesporto pela aviação, espaço aéreo e certificação”.

1-IMG_3253

IMG_3254

IMG_3255

Interessante:

http://www.institutoaviacao.org/noticia/terminal-para-aviacao-executiva-e-inaugurado-no-aeroporto-de-cumbica

http://internationalbrazilairshow.com.br/2019/00/

http://www.institutoaviacao.org/o_instituto

CAB no IBAS 2019 no Aeroporto de Guarulhos.

A CAB irá participar do IBAS 2019 com o 2º Prêmio CAB e com uma rodada de palestras sobre campeonatos, recordes, espaço aéreo, regulamentos, equipamentos e outros temas. Save the Date: 11, 12 e 13 de Setembro de 2019 – Aeroporto de Guarulhos.

Obrigada ao IBAS e a Sator.

Marina Posch Kalousdian | Presidente da CAB.

ext

Novo PRESIDENTE da FAI

Caros membros da CAB e Aerodesportistas,

A FAI tem um novo presidente:
Robert Henderson da Nova Zelândia foi eleito com um mandato de 4 anos na Conferência Geral da FAI em Luxor, Egito, no último final de semana.

A última pessoa de fora da Europa a atuar como presidente da FAI foi Clifton F von Cann, dos EUA, que foi presidente de 1988 a 1990.

Sobre Robert Henderson

O Sr. Henderson tem experiência como oficial militar sênior, piloto e instrutor e, posteriormente, Gerente de Treinamento da frota Airbus A320 na Air New Zealand. Ele foi nomeado membro da Ordem da Nova Zelândia por seus serviços na aviação esportiva e é piloto de planadores em seu tempo de lazer.

45108061_1325581267581915_6004447709547724800_n

“Ser eleito pela comunidade mundial de esportes aéreos como seu presidente é uma grande honra e uma experiência de humildade”, disse ele.

“Estamos enfrentando uma série de desafios como uma Federação Internacional de Esportes, e não menos importante é encontrar fontes adicionais de financiamento.

“Estou ansioso para enfrentar esses desafios nos próximos dois anos, especialmente.

“Haverá muito trabalho árduo para levar a organização adiante, mas temos uma excelente equipe no Conselho Executivo e uma equipe excelente trabalhando para nós em Lausanne e estou confiante de que, com a ajuda deles, podemos fazer a diferença. “

Planos de curto prazo do Sr. Henderson

Henderson definiu algumas metas-chave como parte de seu plano para os próximos três meses, incluindo a garantia de que os Jogos Mundiais Aéreos, na Turquia, planejados para 2020, sejam bem organizados e administrados com eficiência.

“Este é um tremendo empreendimento e envolve centenas de pessoas, a grande maioria das quais são voluntários”, disse ele.

“Devemos à THK, a organizadora turca e aos nossos membros e esportistas, focar de perto neste evento para garantir seu sucesso.”

O presidente Henderson mora na Nova Zelândia, o que significa que será relativamente fácil para ele trabalhar com os membros da FAI na Ásia, onde ele observa que vários países têm grande potencial de crescimento no campo de esportes aéreos.

Para negócios de rotina com a sede da FAI em Lausanne, na Suíça, ele pretende usar a videoconferência sempre que possível.

“O Zoom é uma ferramenta de conferência maravilhosa e estaremos aproveitando ao máximo essa capacidade para reduzir o tempo de viagem e os custos de viagem”, disse Henderson.

“Também quero acelerar o trabalho em nosso projeto estratégico, ONE FAI, para realizar com urgência o recurso de mão-de-obra, a tomada de decisões e a economia potencial de custos.”

Membros da CAB com os relatores da ANAC.

Hoje na sede paulista da ANAC membros da formatação da Regulação do Aerodesporto Brasileiro, divulgaram a nova regra para os membros da CAB  “ABUL , ACRO Brasil, CBB, CBPq, CBVL, COBRA e FBVV” entre outras entidades e que estará em vigor a partir de 1 de Janeiro de 2019.

cab Membros da CAB e ANAC.

35686725_1203491329790910_6838496668707454976_n Acesse a Regulação de Aerodesportos da ANAC.

35628506_1203491339790909_7716111349461286912_n Auditório da ANAC em São Paulo.

Eleita nova diretoria da CAB

Na quinta-feira (29 de março), em São Paulo, foi eleita a nova diretoria e os membros do Conselho Fiscal da Comissão de Aerodesporto Brasileira (CAB) para o biênio 2018-2020.

“Aerodesporto-Brasil” composta pela balonista Marina Posch Kalousdian, presidente; Luiz Claudio Ribeiro Santiago, paraquedista, vice-presidente foi a chapa vencedora. Do conselho fiscal da entidade agora fazem parte Jorge Derviche Filho (paraquedista), 1º membro; Priscila Rezende Fevereiro (piloto – parapente), 2º membro e Ricardo de Campos Ramos (volovelista), 3º membro. Murilo Rovina Ferreira (piloto de acrobacia aérea e piloto comercial), ficou como membro suplente.

De acordo com Marina Posch Kalousdian, que também presidiu a CAB nos últimos dois anos, a meta para o biênio 2018-2020 é prospectar um patrocinador para a entidade para reduzir a carga financeira sobre os atletas e os filiados. Inclusive uma meta é a indústria dos drones. “De Shenzen na China eles dominam o mundo e a Federação  Aeronáutica Internacional tem disponibilizado tempo e recursos para o incentivo de campeonatos nesta área. Em breve a Confederação Brasileira de Aeromodelismo irá organizar a Etapa Brasileira do World Drone Racing Cup em Brasília. Outro setor importante que irá trazer interessados ao Aerodesporto são os campeonatos virtuais, que inclusive a Federação Brasileira de Voo a Vela já está organizando”, elencou  a presidente eleita.

A nova diretoria da CAB também pretende  iniciar um trabalho de prestação de serviços para alavancar recursos, além de  tentar verba de R$ 1 milhão para apoiar o Time Voa Brasil que anualmente é constituído por cerca de 100 atletas. “Com este valor poderemos pagar a taxa de inscrição e as passagens dos atletas. Esse processo começamos  em 2017 com o lançamento no 1º Jantar dos Campeões”, finalizou Marina Posch Kalousdian.

WhatsApp Image 2018-03-29 at 17.06.55

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial