Mensagem de fim de ano da CAB 👇

Mensagem de fim de ano da CAB 👇

Se a decolagem não for perfeita, que mostre empenho.
Se o voo não estiver à altura, que seja corrigido.
Se o pouso não for tranquilo, que traga  aprendizado.

Que tenhamos a coragem própria dos desportistas e a ambição sadia dos competidores para conquistarmos a medalha honesta dos campeões e o troféu sonhado dos recordistas.

Feliz Natal !
E um 2020 de tirar o fôlego, mesmo no ar !

São os votos da CAB.
Marina Posch Kalousdian – presidente

78109419_1660368987436473_153766301712515072_o (1)

Nota de Pesar

Nota de pesar:

É com profunda tristeza que a CAB informa aos aerodesportistas o falecimento, nessa quinta-feira, dia 19 de dezembro, do Coronel Willie, ex-integrante do Esquadrão de Demonstração Aérea- EDA, a nossa tão querida Esquadrilha da Fumaça.

Aos familiares, amigos, ex e atuais componentes da Esquadrilha o nosso abraço fraterno e consolador nesse instante de imenso abatimento.

Marina Posch Kalousdian
presidente da CAB

CAB, enfim, terá um endereço onde merece e precisa !

CAB, enfim, terá um endereço onde merece e precisa !

Depois de vários anos desde sua fundação até hoje, com sedes em espaços burocráticos no Rio de Janeiro ou em São Paulo, finalmente a CAB terá condições de ter uma sede fixa dentro de um ambiente que combina com sua atividade fim e tem a cara de seus agentes: um aeroporto !

Acabamos de assinar nessa quinta-feira, 19 de dezembro de 2019, o termo de ‘permissão de uso de bem público’, a título precário e gratuito, com a prefeitura de Casa Branca(SP).

Isso equivale dizer que, dessa forma, caberá a CAB, daqui pra frente, fazer as adequações e melhorias de infraestrutura no lugar para que todos possam se valer de maneira geral, orgânica e harmônica para a realização de encontros nas mais diversas modalidades do aerodesporto.

Deixando mais claro, é o seguinte: quem for visitar a CAB, ou dela precisar para algum treinamento, apresentação, competição e tudo o mais que o valha, terá o que nunca tivemos: um aeroporto à disposição. Sejamos honestos: visitantes, dirigentes, pilotos e afins, terão condições de chegar até esse local com o próprio equipamento aéreo que usam para sua locomoção e/ou prática esportiva: avião, planador, asa-delta, balão, ultraleve motorizado, paraquedas, etc… Ora, isso é ou não fantástico ? Claro que sim !

Anexo, (confiram !) está o documento, curto, de apenas quatro páginas, para que todos vejam, com transparência, objetividade, clareza e concisão, as condições e as vantagens que estão contidas nessa conquista.

Agradeço a todos aqueles aerodesportistas que, juntamente conosco, participaram dessas tratativas e negociações e, de maneira muito especial, ao prefeito de Casa Branca (SP), Marco Cesar de Paiva Aga, que soube enxergar nessa proposta um meio de também atrair olhares e investimentos de empresas de fora para o município. Além disso, acredito que o comércio, indústria, serviços e rede hoteleira casabranquense, muito valor poderão agregar à economia local já que são inúmeras as possibilidades de benefícios que surgem com as promoções e eventos ligados ao aerodesporto.

Enfim, uma notícia maravilhosa para fecharmos 2019 !

Abraços a [email protected]
Boas Festas !

Marina Posch Kalousdian
Presidente da CAB

TERMO DE PERMISSAO DE USO DE BEM PUBLICO

prefeito e marina

todos

Parabenizando – Campeonato Brasileiro de Paramotor e Paratrike

Gente amiga da CAB, saudações a [email protected] !

Que felicidade saber que foi um sucesso a 2ª e última etapa do Campeonato Brasileiro de Paramotor e Paratrike em Linhares, no nosso querido Espírito Santo, entre os últimos dias 6 e 10 de novembro. Minha rápida passada aqui e pelo face é pra comunicar a quem ainda não soube do resultado final. Confiram, portanto, a classificação:

Paramotor Solo – Categoria PF1
▪1º Márcio Aita
▪2º Alan Braga
▪3º Maurício Braga
▪4º Anderson Bech
▪5º Alexandre Barbosa,
▪6º Tamy Suhett
▪7º Cláudio Cardoso
▪8º Márcia Farkouh
▪9º Vinicius Sandri

Paratrike Solo – Categoria PL1
▪1º Marcelo Martins
▪2º Samuel Rocha
▪3º Claudemir Carlos

Paratrike DUPLO – Categoria PL 2
▪1º Valcir Ayres e Claude Valerius

Resultado Final para 2019.

Paramotor Solo PF1
▪Campeão Alan Braga
▪2º Marcio Aita
▪ 3º Alexandre Barbosa

Paratrike Solo PL1

▪1º Marcelo Martins
▪2º Paulo Seabra
▪3º Sérgio Dias

Paramotor DUPLO PL2

▪1º Valcir Áyres – Claude Valerius
▪2º Luis Henrique e Matheus
▪3º Jorge Neto e Osvaldo Neto

A competição será base para definir o ranking oficial brasileiro, sendo reconhecido e homologado pela CBPM, ABUL e CAB – NAC BRASIL/FAI. Vale lembrar que a 1ª etapa foi em julho de 2019 em Casa Branca –SP.

Os primeiros colocados neste ranking geral em cada categoria poderão representar o Brasil nas competições internacionais FAI em 2020, em especial o Campeonato Mundial de Paramotor Clássico FAI – WPC2020, que tem Linhares na disputa.

Os parabéns da CAB aos competidores, aos organizadores, aos patrocinadores e às entidades envolvidas e um forte abraço a [email protected]

Marina Posch Kalousdian – presidente da CAB

Matérias divulgando o campeonato:

Seguro – Aeronaves no RBAC 103

A Comissão de Aerodesporto Brasileira – CAB, em virtude da exigência de contratação de seguro para os voos de instrução em aeronaves enquadradas no RBAC 103 fez uma pesquisa para saber qual empresa poderia oferecer o seguro. Até o momento a única empresa que conseguiu atender estas condições para os aerodesportistas foi a Billy Seguros, empresa parceira da Mapfre Seguros. Hoje ela consegue atender  aos pilotos de Paramotor,  de Paratrike e de Balão Livre Tripulado.

Clique no link  https://www.cab.org.br/seguros/  e confira qual é a melhor proposta da Billy Seguros para você.

CAB estará representada no IBAS 2019

Reunião aconteceu nessa segunda-feira em São Paulo

A presidente da CAB –Comissão do Aerodesporto Brasileira, Marina Posch Kalousdian, participou, nessa segunda-feira, 21 de janeiro, em São Paulo-SP, do lançamento oficial do projeto

“Universidade do Ar, 1º Anuário de Recursos Humanos para Aviação e do IBAS- International Brazil Air Show”.

IMG_2349

IMG_2353

IMG_2334

IMG_2344

Durante o encontro, o tema em destaque foi a ‘Conectividade e Inovação para o fortalecimento do Transporte Aéreo’ levando em conta o novo governo e as diretrizes para o setor. Também aconteceu a discussão sobre a inauguração do GATGRU: 1º Portal de Atração de Investimento Estrangeiro Direto – FDI, cujo foco foi a importância do GAT no Brasil.

O IBAS- International Brazil Air Show que será organizado pela Sator, acontecerá nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2019 no Aeroporto Internacional de Guarulhos-SP.  A CAB irá participar desse evento, em setembro, com a divulgação e realização do 2º Prêmio CAB do Aerodesporto, que terá palestras com atletas e recordistas, entre outros convidados de diversas áreas ligadas aos aerodesporto e show aéreo.

“Será uma oportunidade extremamente útil para reunirmos pessoas e movermos ações conjuntas ao redor do propósito único de acelerar o desenvolvimento planejado do setor”, disse Marina. “Na reunião, pela manhã de segunda-feira, também tive a chance de conversar com várias pessoas da Universidade Anhembi Morumbi, da Universidade do Ar, além de representantes da SAC, ANAC e DECEA sobre fomento e apoio ao aerodesporto pela aviação, espaço aéreo e certificação”.

1-IMG_3253

IMG_3254

IMG_3255

Interessante:

http://www.institutoaviacao.org/noticia/terminal-para-aviacao-executiva-e-inaugurado-no-aeroporto-de-cumbica

http://internationalbrazilairshow.com.br/2019/00/

http://www.institutoaviacao.org/o_instituto

CAB no IBAS 2019 no Aeroporto de Guarulhos.

A CAB irá participar do IBAS 2019 com o 2º Prêmio CAB e com uma rodada de palestras sobre campeonatos, recordes, espaço aéreo, regulamentos, equipamentos e outros temas. Save the Date: 11, 12 e 13 de Setembro de 2019 – Aeroporto de Guarulhos.

Obrigada ao IBAS e a Sator.

Marina Posch Kalousdian | Presidente da CAB.

ext

Brasil será sede do Campeonato Mundial de Paramotor e Paratrike em 2020.

Campeonato Mundial de Paramotor FAI em 2020 no Brasil

Em reunião plenária no subcomitê da CIMA – Comissão Internacional de Microleves e Paramotores, da FAI – Federação Aeronáutica Internacional, que ocorreu no dia 22 a 24 de novembro de 2018, na Arábia Saudita, por unanimidade aprovaram preliminarmente a proposta para o Brasil ser país sede do próximo Campeonato Mundial de Paramotor e Paratrike.

Este será o 11° Campeonato Mundial de Paramotor FAI (WPC – World Paramotor Championship), conhecido como campeonato FAI clássico, que compreende provas de navegação, economia e precisão, nas modalidades Paramotor SOLO (PF1T), Paratrike SOLO (PL1T) e Paratrike DUPLO (PL2T).

CIMA - FAI Membros Mundiais na CIMA – FAI.

A proposta de intenção do Brasil foi apresentada pelo Sr. Ricardo Maciel – Delegado Alternado CIMA-FAI, que participou da reunião da subcomissão de paramotor e Sr. Gustavo Albrecht – Delegado CIMA-FAI, onde destacaram o potencial e capacidade do país para sediar o evento, o Município de Araçatuba – SP foi indicado para a realização do evento. A proposta foi apresentada pela ABUL – Associação Brasileira de Pilotos de Aeronaves Leves e conta com o apoio da CAB – Comissão de Aerodesporto Brasileira e Clube de Paramotor Araçatuba.

46507187_1341493412657367_7523742517347483648_n

Na reunião foram tratados diversos assuntos relativos aos próximos campeonatos (campeonato europeu, campeonato asiático, campeonato mundial de slalom e mundial clássico), alterações nas regras dos campeonatos e catálogo de provas, em síntese visando aumentar a segurança dos pilotos e corrigir distorções nos resultados de classificação, promovendo maior competitividade.

Ricardo Maciel destaca que com a aprovação preliminar, já iniciou os trabalhos com uma comissão técnica, para a formulação de uma proposta com mais informações sobre o local da competição, que compreende também a elaboração de um regulamento local e catálogo de provas, para ser apresentado para deliberação na CIMA em janeiro de 2019.

Após a aprovação final da proposta pela CIMA, será formada uma comissão no departamento de paramotor da ABUL com pilotos brasileiros interessados em participar das competições, para tratar sobre o calendário de campeonatos nacionais de 2019-2020, critérios para definição de ranking brasileiro e seletiva para o mundial.

Para elevar o nível técnico dos atletas brasileiros, o Departamento de Paramotor da ABUL pretende promover treinamentos, com a participação de atletas e instrutores estrangeiros com experiência em competições internacionais.

Pilotos interessados em participar das competições, precisam fazer o cadastro no sistema http://adm.abulparamotor.com.br e encaminhar e-mail para [email protected] solicitando a inclusão de seu cadastro na equipe de competição.

Novo PRESIDENTE da FAI

Caros membros da CAB e Aerodesportistas,

A FAI tem um novo presidente:
Robert Henderson da Nova Zelândia foi eleito com um mandato de 4 anos na Conferência Geral da FAI em Luxor, Egito, no último final de semana.

A última pessoa de fora da Europa a atuar como presidente da FAI foi Clifton F von Cann, dos EUA, que foi presidente de 1988 a 1990.

Sobre Robert Henderson

O Sr. Henderson tem experiência como oficial militar sênior, piloto e instrutor e, posteriormente, Gerente de Treinamento da frota Airbus A320 na Air New Zealand. Ele foi nomeado membro da Ordem da Nova Zelândia por seus serviços na aviação esportiva e é piloto de planadores em seu tempo de lazer.

45108061_1325581267581915_6004447709547724800_n

“Ser eleito pela comunidade mundial de esportes aéreos como seu presidente é uma grande honra e uma experiência de humildade”, disse ele.

“Estamos enfrentando uma série de desafios como uma Federação Internacional de Esportes, e não menos importante é encontrar fontes adicionais de financiamento.

“Estou ansioso para enfrentar esses desafios nos próximos dois anos, especialmente.

“Haverá muito trabalho árduo para levar a organização adiante, mas temos uma excelente equipe no Conselho Executivo e uma equipe excelente trabalhando para nós em Lausanne e estou confiante de que, com a ajuda deles, podemos fazer a diferença. “

Planos de curto prazo do Sr. Henderson

Henderson definiu algumas metas-chave como parte de seu plano para os próximos três meses, incluindo a garantia de que os Jogos Mundiais Aéreos, na Turquia, planejados para 2020, sejam bem organizados e administrados com eficiência.

“Este é um tremendo empreendimento e envolve centenas de pessoas, a grande maioria das quais são voluntários”, disse ele.

“Devemos à THK, a organizadora turca e aos nossos membros e esportistas, focar de perto neste evento para garantir seu sucesso.”

O presidente Henderson mora na Nova Zelândia, o que significa que será relativamente fácil para ele trabalhar com os membros da FAI na Ásia, onde ele observa que vários países têm grande potencial de crescimento no campo de esportes aéreos.

Para negócios de rotina com a sede da FAI em Lausanne, na Suíça, ele pretende usar a videoconferência sempre que possível.

“O Zoom é uma ferramenta de conferência maravilhosa e estaremos aproveitando ao máximo essa capacidade para reduzir o tempo de viagem e os custos de viagem”, disse Henderson.

“Também quero acelerar o trabalho em nosso projeto estratégico, ONE FAI, para realizar com urgência o recurso de mão-de-obra, a tomada de decisões e a economia potencial de custos.”

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial