Recorde Mundial de GOAL Declarado com Parapente no Sertão Nordestino Brasileiro.

Declaração de Vagner Campos:

Voo com distância declarada de 451km que eu e Leandro tínhamos declarado antes de decolar para mais um dia de voo aqui no Sertão Nordestino… Consegui completar o voo e bater o pilão do ponto declarado no km 451 no Vilarejo Mundo Novo no Estado do Piauí. Agora é fazer o procedimento burocrático e aguardar a confirmação pela FAI para homologar o record, tendo sua confirmação entrarei no hall dos Recordistas Mundias desse esporte que tanto amo e me faz feliz.
Obrigado a todos os amigos pela torcida, sempre grato a todos.
Link do voo
http://xcbrasil.com.br/flight/291920 

18192332_10209229170829919_1693942854473399981_o

22519545_1719151564761907_4328111406897957410_n

22256684_10210504834360710_296772870246732266_o Guincho para decolagem rebocado.

22256475_10210506502802420_8250925488826668362_o Leandro Padua.

2ª e ultima Etapa do Campeonato Brasileiro de Asa Delta em Cambuquira – MG.

A cidade de Cambuquira no sul de Minas Gerais – MG, a 2ª melhor Água Gasosa do Mundo foi sede da 2ª e ultima Etapa do Campeonato Brasileiro de Asa Delta… Pilotos do Rio Grande do Sul e do Norte, Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo competiram durante 6 dias provas de 120 a 150km de percurso uma das etapas mais competitivas e voadas já realizada.
Com uma qualidade técnica de pilotos altíssima, apesar de 17 pilotos competindo, o evento foi um sucesso e quem não veio participar perdeu a competição de 2017. Os dois primeiros dias a decolagem estava inconstante, fazendo com que os pilotos aguardassem o melhor momento para sua decolagem… Janela aberta sempre por volta das 11:30h e com o start as 12:10h a competição estava com um nível muito alto e teve vários vencedores, mostrando o equilíbrio e bons pilotos na competição… Isso foi durante todos os dias, provas como uma triangulação passando pela abduzida cidade São Tomé das Letras, contornando os UFOS de Varginia e com GOAL com pastos gramados ao redor de Pouso Alegre. Provas muito bem escolhida e formatada pela comissão de pilotos junto com a previsão diária de Cid Maestrini, tudo funcionou perfeitamente, a comunicação entre a organização e colaboradores estavam coesas e afinadas, tudo em sintonia… fantástico e no ultimo dia de prova a chuva compareceu de uma forma forte, muito comemorada até pelos pilotos, pois viu o que os 3 meses estava fazendo na região, premiação antecipada e consagrando o vencedor o gaúcho Andre Wolf… Parabéns a todos os pilotos e organização pelo evento.

brasileiro23 Rampa do Piripau | Cambuquira – MG.

brasileiro24 Chegada na rampa.

brasileiro Montagem do equipamento.

brasileiro1 Quadro de Prova e Mapa da região.

brasileiro2 Prova do Dia.

brasileiro3 Rota da Prova.

brasileiro7 Briefing.

brasileiro8

brasileiro4 Eletrônicos.

brasileiro17 Aérea.

brasileiro16 Rampa do Piripau.

brasileiro29

brasileiro5 Janela aberta.

brasileiro11 Fila para decolagem.

brasileiro14 Aguardando na fila.

brasileiro12 Decolagem.

brasileiro13 Corrida na decolagem.

brasileiro19 Chegada no Goal.

brasileiro20

brasileiro6 Desmontagem do equipamento no Goal.

brasileiro18 Reta final até o Stoll.

brasileiro25 Galera no GOAL.

brasileiro30 Premiação.

brasileiro31 Alvaro Sandoli, Marcelo Abott, Marcelo Andrei, Konrad Heilmann, Marcelo Ferreira, Fabio Thomaz, Glauco Pinto na 2ª posição, André Wolf | Campeão e David Brito 3º colocado.

brasileiro32 Bruno Sandoli, Euclides Neto, Guilherme Sandoli | SPORT.

RESULTADOS GERAL no site da Confederação Brasileira de Voo Livre.

VIDEOS com entrevistas e IMAGENS do Ao ViVo.

 

Campeonato Brasileiro de Voo a Vela no Aeroclube do Planalto Central em Formosa.

A cidade de Formosa é sede do Campeonato Brasileiro de Voo a Vela com decolagem sendo realizada no Aeroclube do Planalto Central, pilotos de vários estados do Brasil competindo nas classes Open, Racing e Club… Hoje as equipes logo cedo estavam realizando as limpezas nos equipamentos, lastreando com água as asas dos planadores, pesagem e finalmente alinhando na pista nas posições sorteadas… No briefing uma prova de 267.5km com 3 pontos de contornos, alguns pousos fora do aeroclube e os resgates foram solicitados. Vamos aguardar o resultado.

prova do dia 2 Manhã do DIA 1.

prova do dia 4 Carregando os eletrônicos.

prova do dia 3 Lastreamento com nivel correto.

21271152_1031181053688606_2115322938071461933_n Fila de pesagem.

21314703_1681259868551077_8730545850972915335_n Fora da pesagem, soltar lastro.

21231023_1681259888551075_3821819358664123670_n Pesagem.

21314501_1681259891884408_6848323608826096291_n Controle.

prova do dia 1 Briefing.

prova do dia 7 Prova do Dia.

prova do dia 6 Briefing.

p1formosa0 Decolagem.

p1formosa Janela aberta.

p1formosa1

p1formosa2

p1formosa5

p1formosa6

p7

p1formosa8

p1formosa9

p1formosa11

p1formosa12

21366916_1033962846743760_3201557401879125084_o

p1formosa14

p1formosa15

p1formosa16

p1formosa17

p1formosa18

p1formosa19

p1formosa20

p1formosa21

RESULTADOS GERAL.

http://www.soaringspot.com/en_gb/59-campeonato-brasileiro-de-voo-a-vela-formosa-2017/

Alvaro Sandoli… 8º Colocado no Campeonato Mundial de Asa Delta em Brasilia.

Nesse final de semana após 9 dias de provas ” Race to Goal ” em Brasilia terminou o 21 º Campeonato Mundial de Asa Delta, condições atípicas com convergências e teto baixo, o campeonato terminou com o paulista Alvaro Sandoli “NeNê Rotor” na 8ª posição. O Campeonato foi vencido no ultimo dia pelo piloto da Republica Checa Petr Benes – AEROS | Combat GT, seguido dos italianos Alessandro Ploner e Christian Ciech ambos de ICARO | Laminar. No feminino Corinna Schwiegershausen – Red Bull Moyes | RX3 seguido da francesa Francoise Dieuzeide Banet – Moyes | RX3 e a japonesa Chisato Nojiri – AEROS | Comabat GT e finalmente por EQUIPES a vencedora foi a ITALIA, a vice Campeã Reupblica Checa e em terceiro a Alemanha, o Brasil ficou na 6º posição.

podio Alessandro Ploner, Petr Benes e Christian Ciech

pers Petr Benes.

20882090_1435082926546689_2715892735810051246_n  Alvaro Sandoli 8º colocação.

cópia de nene Alvaro Sandoli – 8º Colocado  | Sergio Kawakami – CAB.

RAB – Certificação Digital

Durante a LABACE 2017 a Dra. Luciana Ferreira da Silva, Gerente do Registro Aeronáutico Brasileiro, proferiu uma super interessante palestra. Ela é extremamente ativa, e está levando o RAB para o futuro digital, com menos papel com mais eficiência e eficácia. Parabéns a Eng. Dra. Luciana Ferreira da Silva e sua equipe.

Seguem alguns slides muito importantes.

Palestra sobre Certificação Digital no Registro Aeronáutico Brasileiro
Dra. Luciana Ferreira da Silva – Palestra sobre Certificação Digital no Registro Aeronáutico Brasileiro
Portaria 2042 de 16 de junho de 2017 - Superintendência de Aeronavegabilidade.
Portaria 2042 de 16 de junho de 2017 – Superintendência de Aeronavegabilidade.
Certidão de Propriedade e Ônus Reais
Certidão de Propriedade e Ônus Reais
Comunicação de Venda e Transferência. Importante.
Comunicação de Venda e Transferência. Importante.
Em 10 de 2007 a 2017 mais de 8000 aeronaves foram registradas.
Em 10 de 2007 a 2017 mais de 8000 aeronaves foram registradas.
Em 2 meses e meio de uso da Certificação Digital já foi economizado cerca de R$ 180.000,00, sem falar na rapidez dos processos.
Em 2 meses e meio de uso da Certificação Digital já foi economizado cerca de R$ 180.000,00, sem falar na rapidez dos processos.
Desde fevereiro de 2017 já estão usando o protocolo eletrônico SEI.
Desde fevereiro de 2017 já estão usando o protocolo eletrônico SEI.
Contatos no RAB.
Contatos no RAB.

LABACE 2017

Cerimônia de Abertura excelente com palestras e apresentações importantes. Inclusive em uma das palestras foi citado que a SAC, através do Eng. Dario Rais Lopes, Secretario Nacional da Aviação Civil estão estudando medidas de estímulo ao mercado da aviação que inclui a revisão das TFACs, e na planilha foi indicado o balão e aviões menores.

Muito animador.

A Abertura foi feita pelo Eng. Ozires Silva, fundador da EMBRAER. Foi uma grande honra conhecê-lo.

IMG_4032

Campeonato Mundial de Asa Delta em Brasilia – Brasil 2017.

brasil ad

ad24

ad1

nene1

 

O esporte estará no centro das atenções de Brasília nos próximos onze dias. Isso porque a partir desta quarta-feira (9) e até o sábado da semana seguinte, dia 19, os melhores pilotos do mundo invadirão o céu da Capital Federal, durante a 21ª edição do Campeonato Mundial de Asa Delta. A competição terá voos diários entre o Vale do Paranã, em Formosa (GO), sempre das 12h às 13h, e a Esplanada dos Ministérios, com as aterrissagens entre 15h e 17h.

“Está tudo pronto em Brasília e Formosa para a 21ª edição do Campeonato Mundial de Asa Delta – Brasil 2017. Nesta terça-feira (8), tivemos o dia de treino oficial, com aproximadamente 40 pilotos na rampa do Paranã, entre eles, italianos, checos, israelenses, americanos. Enquanto a grande maioria reservou o dia para descansar, inclusive a equipe brasileira, pois serão dez dias intensos de competição, outros preferiram vir para Vale do Paranã e fazer um treinamento final”, destaca Chico Santos, presidente da Confederação Brasileira de Voo Livre (CBVL)

Conhecida mundialmente como a “Havaí do Voo Livre”, Brasília é um dos locais ideais para a prática de voos livres no País. A cidade possui ventos predominantes do quadrante leste e o clima bastante seco nesta época do ano, que proporcionam voos fantásticos de até cinco horas de duração. As correntes térmicas são aproveitadas pelos pilotos para ganhar altura e realizar voos de até 170 km de distância, utilizando somente as forças da natureza.

O Brasil já foi sede do Campeonato Mundial em duas ocasiões, em Governador Valadares (1991) e em Brasília (2003), e venceu uma vez no individual e outra por equipes. O primeiro e único atleta a colocar o País no lugar mais alto do pódio individual da competição foi Pepê Lopes, em 1981, em Beppu (Japão). Em 1999, em Monte Cucco (Itália), o País garantiu o único título de nações, além de duas colocações no pódio individual, com André Wolf e Pedro Matos, segundo e terceiro colocados, respectivamente.

Na primeira vez em que o Brasil foi sede, em Governador Valadares (MG), os destaques vieram com a segunda colocação de Pepê Lopes, o terceiro lugar de Paulo Coelho e o vice-campeonato da seleção nacional. No mundial de 2001, em Algodobales-Cadiz (Espanha), o Brasil foi o vice-campeão, repetindo a colocação em 2003, em Brasília, quando a Capital Federal recebeu seu primeiro Mundial até então. De lá para cá, o País não teve mais atletas no pódio do evento.

Favoritos – Um dos favoritos é o atual campeão mundial, o italiano Christian Ciech, vencedor no Valle de Bravo, no México, em 2015. Outros pilotos, também candidatos ao título, são os atuais cinco primeiros do ranking: o australiano Jonny Durand, número 1 do mundo e vencedor do Pré-Mundial em 2016, disputado em Brasília, o brasileiro André Wolf, vice-líder, os italianos Filippo Oppici e Davide Guiducci, e o austríaco Thomas Weissenberger.

Os países – Após a confirmação das inscrições realizadas entre domingo (6) e segunda-feira (7), 26 países participam do 21º Campeonato Mundial de Asa Delta de Brasília: Alemanha, Argentina, Austrália, Áustria, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Guatemala, Holanda, Hungria, Israel, Itália, Japão, Liechtenstein, México, Noruega, Nova Zelândia, Paraguai, República Tcheca, Suécia, Suíça e Venezuela.

O local das decolagens – Localizada a 92 km da Capital Federal, a cidade goiana de Formosa conta com uma rampa a cerca de 1.000 metros de altitude e, por possuir clima seco e vento constante, atrai atletas brasileiros e estrangeiros praticantes do esporte, recebendo anualmente, desde 1984, uma das etapas do Campeonato Brasileiro de Asa Delta. No ar, a distância de um voo direto é de 73 km, mas como o percurso da prova passa por pontos obrigatórios (tasks) os pilotos voam de 90 a 150 km, de acordo com os pontos escolhidos pelos organizadores. Este trajeto é definido de acordo com a previsão meteorológica do dia de cada etapa.

O Campeonato Mundial de Asa Delta tem como patrocinadores máster a Caixa e o Governo Federal. O evento conta com os apoios de Gollgi, Governo de Formosa, CONFAE, Secretaria do Esporte e Lazer de Brasília, Museu Nacional, Secretaria de Cultura, Aeroporto de Brasília, Força Aérea Brasileira (FAB), Bombeiros de Goiás, Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, Rádio Transamérica, Home – Hospital Ortopédico e Medicina Especializada, Sportfisio, Super Ar – Escola de Voo Livre, Sol Paragliders e o Grupo Voe Tur, como a agência oficial de turismo.  É uma realização da Confederação Brasileira de Voo Livre (CBVL), Federação Aeronáutica Internacional (FAI) e Confederação de Aerodesporto Brasileiro (CAB), em uma produção da Zenith Marketing.

Serviço:
Campeonato Mundial de Asa Delta
Data: 6 a 19 de agosto
QG da Organização: Área externa do Museu Nacional, Brasília (DF)
Local dos voos: Rampa do Vale do Paranã, em Formosa (GO)

Programação:
Competição: Entre 9 a 18/08
Premiação e cerimônia de encerramento: 19/08 às 10h no QG

Mais informações:
Site: http://www.brasilia2017.com.br/
Facebook: www.facebook.com/Brasilia2017

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial