NOTA DE PESAR !

É com imensa tristeza e profundo sentimento de dor que a CAB comunica o falecimento, na tarde dessa segunda-feira, dia 20 de janeiro, de Regina Teixeira de Araújo, esposa do Comandante Binho Araújo, piloto de acrobacia e proprietário da Agrossol Aeroagrícola, de Casa Branca.

Vale lembrar que ela, junto ao marido, foi uma grande incentivadora das atividades aerodesportivas na cidade, com um destaque especial ao ASA BRASIL 2018. Regina, inclusive, além de todos os esforços e empenho em prol da causa dos esportes aéreos também abria sua casa para hospedar participantes de atividades como, por exemplo, o Brasileiro de Balonismo, Brasileiro de Paramotor, reuniões técnicas que aconteceram em Casa Branca.

Pessoas como ela, voluntários, são as que contribuem com essa nossa paixão ainda tão dependente de atitudes como as que ela sempre teve.

Ficará, portanto, a nossa imensa saudade ! E nesse instante, pedimos a Deus que conforte o coração do esposo, o Comandante Binho, e de toda a família, bem como os corações de todos os amigos do casal em Casa Branca, no Estado e no país.

Obrigada por tudo, querida Regina !

REgina Araujo

DR. GUILHERME CAMPOS DE MORAES

Um gestor exemplar e um homem dotado de espírito público vai deixar saudades !!!!

Dr. Guilherme Campos de Moraes, após longos anos atuando como advogado no campo do Direito Desportivo do COB- Comitê Olímpico Brasileiro, acaba de despedir-se da atividade que sempre exerceu com altivez, competência, dedicação e humildade. Comportamentos, aliás, próprios de pessoas e profissionais que detém o prestígio natural em função da ética e do espírito público com que sempre desempenham suas atividades, sejam elas em quais áreas forem mas, no esporte, elas adquirem um impacto extremamente relevante.

Como ele próprio diz em seu texto de despedida e agradecimento, “no esporte olímpico, o tom é dado pelos ciclos. Meu ciclo no Comitê Olímpico do Brasil se encerrou ontem. Não é fácil a decisão de seguir em frente após ter exercido a função que sempre sonhei e onde eu queria estar, sendo o ponto focal nas ações de direito desportivo do COB.”

Dr. Guilherme lembra, também, com muita propriedade, “ o sentimento de dever cumprido na maior reforma da governança da principal organização esportiva do país lá em 2017 e que hoje repercute em todo o sistema, em sua natural harmonização. Papel ativo no aumento em (hoje) 19 vezes da participação de atletas na Assembleia Geral; na criação do Conselho de Ética e seus Comitês de Integridade e Conformidade; na imposição por força de estatuto da função de Compliance Officer e, sobretudo, na elaboração e implementação da Política de Prevenção e Enfrentamento ao Assédio e Abuso no esporte olímpico.”

Que bom seria se esse legado deixado pela sua gestão pudesse cativar com a mesma rapidez atletas das mais diversas atividades aerodesportivas para que passassem a participar e cobrar nas assembleias, encontros, reuniões, etc., os seus respectivos dirigentes e/ou representantes, não é mesmo ?

Quero aqui, em meu nome particular e da CAB, da qual ainda sou presidente, prestar meu agradecimento público a toda ajuda que Dr.Guilherme Campos de Moraes prestou a nossa entidade, de maneira muito especial durante a elaboração da análise da minuta do Estatuto da CAB para adequar a ‘Lei Pelé’ para o reconhecimento no COB.

Dr. Guilherme, receba, portanto, o nosso sincero, singelo, autêntico e mais honesto abraço carregado de respeito, admiração, carinho, gratidão e, agora, saudade também. Muito obrigado por toda consulta atendida, orientação dada e sabedoria compartilhada.
Sucesso em suas novas jornadas !
Marina Posch Kalousdian – presidente da CAB

Guilherme Campos de Moraes

Voo a Vela

Olá, [email protected] da CAB !

Bom 2020 pra [email protected] !

O Ano Novo inicia e nossa expectativa e torcida são enormes pelo piloto Claudio Eduardo Schmidt, de Rio Claro-SP, que começa a disputar hoje, 06 de janeiro, 0 66º Campeonato Nacional Argentino de Voo a Vela na cidade de Azul, província de Buenos Aires. Ele irá competir na classe Open, com o Arcus.

De Rio Claro, no interior paulista, até o local das provas, foram três dias de viagem de carro. Claudio chegou dois dias antes para conhecer a região, fazer inscrição, pesagem, montar o planador e começar a concentração e o treino para o torneio que reúne 75 participantes. É o único brasileiro na competição que já é tradicional no país vizinho. Essa é a sétima vez que Claudio Schmidt marca presença em campeonatos argentinos. Entre eles, o Sulamericano e o Panamericano.

Portanto, a ele e toda a família e equipe o nosso desejo de absoluto sucesso em mais uma competição da carreira marcada por várias e merecidas conquistas…

Vai com fé, Claudio !
Marina Posch Kalousdian – presidente da CAB

 

Claudio Schmidt

WhatsApp Image 2020-01-06 at 11.18.08

 

Mensagem de fim de ano da CAB 👇

Mensagem de fim de ano da CAB 👇

Se a decolagem não for perfeita, que mostre empenho.
Se o voo não estiver à altura, que seja corrigido.
Se o pouso não for tranquilo, que traga  aprendizado.

Que tenhamos a coragem própria dos desportistas e a ambição sadia dos competidores para conquistarmos a medalha honesta dos campeões e o troféu sonhado dos recordistas.

Feliz Natal !
E um 2020 de tirar o fôlego, mesmo no ar !

São os votos da CAB.
Marina Posch Kalousdian – presidente

78109419_1660368987436473_153766301712515072_o (1)

Nota de Pesar

Nota de pesar:

É com profunda tristeza que a CAB informa aos aerodesportistas o falecimento, nessa quinta-feira, dia 19 de dezembro, do Coronel Willie, ex-integrante do Esquadrão de Demonstração Aérea- EDA, a nossa tão querida Esquadrilha da Fumaça.

Aos familiares, amigos, ex e atuais componentes da Esquadrilha o nosso abraço fraterno e consolador nesse instante de imenso abatimento.

Marina Posch Kalousdian
presidente da CAB

CAB, enfim, terá um endereço onde merece e precisa !

CAB, enfim, terá um endereço onde merece e precisa !

Depois de vários anos desde sua fundação até hoje, com sedes em espaços burocráticos no Rio de Janeiro ou em São Paulo, finalmente a CAB terá condições de ter uma sede fixa dentro de um ambiente que combina com sua atividade fim e tem a cara de seus agentes: um aeroporto !

Acabamos de assinar nessa quinta-feira, 19 de dezembro de 2019, o termo de ‘permissão de uso de bem público’, a título precário e gratuito, com a prefeitura de Casa Branca(SP).

Isso equivale dizer que, dessa forma, caberá a CAB, daqui pra frente, fazer as adequações e melhorias de infraestrutura no lugar para que todos possam se valer de maneira geral, orgânica e harmônica para a realização de encontros nas mais diversas modalidades do aerodesporto.

Deixando mais claro, é o seguinte: quem for visitar a CAB, ou dela precisar para algum treinamento, apresentação, competição e tudo o mais que o valha, terá o que nunca tivemos: um aeroporto à disposição. Sejamos honestos: visitantes, dirigentes, pilotos e afins, terão condições de chegar até esse local com o próprio equipamento aéreo que usam para sua locomoção e/ou prática esportiva: avião, planador, asa-delta, balão, ultraleve motorizado, paraquedas, etc… Ora, isso é ou não fantástico ? Claro que sim !

Anexo, (confiram !) está o documento, curto, de apenas quatro páginas, para que todos vejam, com transparência, objetividade, clareza e concisão, as condições e as vantagens que estão contidas nessa conquista.

Agradeço a todos aqueles aerodesportistas que, juntamente conosco, participaram dessas tratativas e negociações e, de maneira muito especial, ao prefeito de Casa Branca (SP), Marco Cesar de Paiva Aga, que soube enxergar nessa proposta um meio de também atrair olhares e investimentos de empresas de fora para o município. Além disso, acredito que o comércio, indústria, serviços e rede hoteleira casabranquense, muito valor poderão agregar à economia local já que são inúmeras as possibilidades de benefícios que surgem com as promoções e eventos ligados ao aerodesporto.

Enfim, uma notícia maravilhosa para fecharmos 2019 !

Abraços a [email protected]
Boas Festas !

Marina Posch Kalousdian
Presidente da CAB

TERMO DE PERMISSAO DE USO DE BEM PUBLICO

prefeito e marina

todos

[email protected] da CAB, que alegria em dar essa notícia !

[email protected] da CAB, que alegria em dar essa notícia !

 

Que orgulho para a nossa entidade, para o aerodesporto nacional de modo particular e para o Brasil de forma geral !

 

Dr. Georges de Moura Ferreira, advogado e consultor jurídico da CAB,  foi o segundo mais votado e, agora, é o único brasileiro e mais novo integrante da equipe de apenas cinco membros que fazem parte do distinto e seleto ‘Grupo de Estudos dos Estatutos da FAI’, SWG ( Statutes Working Group). Esse time espetacular composto por pessoas de elevado conhecimento e distintas competência e qualidade tem a missão de adequar e ajustar focos e diretrizes dos Estatutos da FAI para atender as sempre renovadas e dinâmicas demandas impostas pela modernidade.

 

E a razão e distinção nessa escolha, acreditem, não foram sem reais motivos. Percebam no currículo:

 

Dr. Georges é advogado formado pela PUC- GO, professor, aviador (piloto privado), pesquisador e escritor. Especialista em Direito Civil pelo Centro Universitário de Goiás (Uni-Anhanguera) aprofundou e aprimorou seus estudos em Direito Aeronáutico Nacional e Internacional e Direito Espacial no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), e em Política e Estratégia pela Associação de Graduados da Escola Superior de Guerra, Escritório de Goiás (ADESG-GO). Possui diploma superior em espanhol pela Universidade de Salamanca (Espanha) e é igualmente fluente em línguas francesa e inglesa. É presidente da Comissão Especial de Direito Aeronáutico da OAB / GO, consultor jurídico da Comissão de Aerodesporto Brasileira(CAB), consultor externo da Frente Parlamentar de Promoção da Aviação Amazônica ( FEPAAM) e foi fundador e consultor jurídico da ABTAer – Associação Brasileira de Táxis Aéreos. Foi Presidente da Comissão de Peritos para Reformar o Código Aeronáutico Brasileiro no Senado Federal (CERCBA / SF 2015/2016). Docente da PUC-GO (2003/2014) nas áreas de Direito Aeronáutico Nacional e Internacional, Direito Internacional Público e Privado e na pós-graduação (especialização lato sensu) no SENAI / GO, no módulo Transporte Aéreo: Economia e Políticas Públicas. Também assessorou e colaborou com o Presidente do Subcomitê de Aviação Civil do Senado Federal, sob a Comissão de Infraestrutura e Serviços do Senado Federal – CI, com os trabalhos do Subcomitê de Aviação Civil do Senado – CISTAC (2012/2013).

 

Como é possível notar, nós [email protected] e o Brasil temos um digno e respeitado representante na turma que podemos chamar de “Tropa de Elite” das pessoas que pensam, planejam, ajustam, adequam e estabelecem as mais modernas, justas e necessárias regras que integram os Estatutos da FAI.

 

Dr. Georges, nossos parabéns por essa sua conquista merecida somam-se aos sentimentos que já tínhamos pelo senhor antes desse momento ímpar do Aerodesporto Brasileiro: admiração, carinho, gratidão e, sobretudo, respeito. Pelo seu valioso retrospecto de estudo, trabalho, dedicação e empenho em favor dessa atividade, podemos e devemos concluir que sua presença e participação ativas nesse notável grupo serão decisivas e determinantes para garantir um futuro promissor para o aerodesporto em todos os cantos desse planeta.

Receba nosso abraço cordial e fraterno !

Marina Posch Kalousdian – presidente da CAB

Georges 2

RECORDES MUNDIAIS E SULAMERICANOS FAI

A CAB e todos nós na torcida pelos recordes…

Como eu estou aqui para a 113º Conferência Geral da FAI que começa na próxima quinta-feira (amanhã já teremos algumas atividades com os NACs presentes, inclusive o Presidente da FAI, Robert Henderson) aproveitei para fazer pessoalmente a entrega oficial de 10 processos completos de solicitação de recordes, após seguir todos os trâmites e procedimentos previstos.

Christine Rousson, da FAI, foi quem os recebeu. São eles:

  • 02 recordes mundiais de Rafael de Moraes Barros,
  • 02 mundiais de Rafael Monteiro Saladini e
  • 02 mundiais de Marcelo Prieto.

Os 3 atletas representando o voo livre, na categoria parapente, com distância reta de 582 km e distância livre com 3 turn points de 588,5km.

E, também, mais 3 processos completos para o atleta de asa delta, Glauco Pinto, sendo:

  • um para recorde sul-americano de distância reta de 621km e
  • 2 recordes mundiais, sendo 01 para distância livre com 3 turn points de 631,72 e distância reta para um alvo declarado de 616 km.

Estes 4 atletas realizaram seus recordes na região do Nordeste Brasileiro.

Entregamos nessa terça-feira, também, o processo

  • de recorde sul-americano para o paraquedismo de grande formação 12-way de head up. Recorde realizado em Boituva, SP.

Portanto, agora resta aguardar e torcer muito para a certificação desses 10 recordes realizados no Brasil por nossos atletas brasileiros. Já no paraquedismo, também estamos na disputa com 8 brasileiros, 3 chilenos e 1 argentino.

Vale uma grande torcida! Vamos aguardar.

Abraços a [email protected]…!

Marina Posch Kalousdian – presidente da CAB

WhatsApp Image 2019-12-03 at 18.22.04

RESULTADO – VOTAÇÃO AGE 29/11/2019

Aos [email protected] da CAB,

 

Triste dia, infelizmente, perdemos hoje mais uma oportunidade de avançar o aerodesporto brasileiro em uma votação. A minuta do estatuto da CAB para adequação à legislação brasileira, à Lei Pelé e portarias, não foi aprovada. Com um resultado de 4 contra e 3 a favor, continuaremos com o atual estatuto, que não segue os critérios da Lei Pelé, e que, portanto não permite propor projetos incentivados. As entidades ACRO, COBRA e CBVL votaram favoravelmente e as entidades CBB, CBPq, FBVV e ABUL votaram contra. Em breve publicaremos a ata.

Agradeço a todos e sigamos em frente – Marina Kalousdian – presidente

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial